Projeto Social – SOS – Sorria ou Sorria

sos_sorriaousorriaA cada dia a vida de milhares de pessoas são colocadas em jogo, sejam elas ricas, pobres, brancas, mulatas, não importa, o acaso vai protegê-las ou não, são humanos que durante esse jogo da vida precisam de um apoio, uma mão que acene, um braço que se estende, um abraço que conforte ou um sorriso que dê forças; que abra seus olhos e faça-os enxergar o Sim, a ponto de dizer: “Eu sou capaz e acredito!”

Em 1986, Michael Christensen, um palhaço americano, director do Big Apple Circus de Nova Iorque, apresentava­se numa comemoração num hospital daquela cidade, quando pediu para visitar as crianças internadas que não puderam participar no evento. Improvisando, substituiu as imagens do internamento por outras alegres e engraçadas. Essa foi semente da Clown Care Unit™, grupo de artistas especialmente treinados para levar alegria a crianças internadas em hospitais de Nova Iorque.

SOS – Sorria ou Sorria é um projeto de pessoas voluntárias, que buscam humanizar o ambiente hospitalar agregando a imagem do palhaço, no qual tem como inspiração o trabalho de Michael Christensen (O primeiro artista a levar o ambiente do circo para dentro de um hospital), Patch Adams (Do filme Patch Adams – O Amor é Contagioso) e Doutores da Alegria (Uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, que tem como missão promover a experiência da alegria como fator potencializador de relações saudáveis por meio da atuação profissional de palhaços junto a crianças hospitalizadas, seus pais e profissionais de saúde. Além disso, a organização visa compartilhar a qualidade desse encontro com a sociedade com produção de conhecimento, formação e criações artísticas).